Caracterização hidráulica de gotejadores em condição superficial e subsuperficial - DOI: 10.7127/rbai.v7n500196

Fernando Nobre Cunha, Nelmício Furtado da Silva, Renato Campos de Oliveira, Marconi Batista Teixeira, José Joaquim de Carvalho, Raimundo Rodrigues Gomes Filho

Resumo


Na irrigação localizada, a uniformidade de aplicação de água ao longo da linha lateral está intimamente relacionada à variação de vazão dos emissores; deste modo o presente trabalho teve como objetivo avaliar os distúrbios de vazão em irrigação localizada, sob condição de gotejo subsuperficial e superficial (vazão crescente e decrescente). O experimento foi desenvolvido em uma casa de vegetação instalada na área experimental do IF Goiano Campus Rio Verde. Sobre uma bancada de ensaios foram instalados 20 recipientes de PVC com 0,1 m de diâmetro e 0,6 m de altura, contendo cada recipiente um gotejador enterrado a 0,2 m de profundidade para permitir o monitoramento da vazão em condições subsuperficiais. Utilizou-se solo de textura argilosa para preencher os recipientes. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, utilizando-se dois modelos de gotejadores com dez repetições (gotejadores) em cada linha lateral. Utilizaram-se as pressões de 0,4, 0,6, 0,8, 1,0 e 1,2 bar (modelo 1) e pressões de 0,5, 1,0, 1,5, 2,0, 2,5 e 3,0 bar (modelo 2) para confecção das curvas. A vazão média dos gotejadores reduziu em função de se trabalhar em condições subsuperficiais enquanto que em situação superficial o comportamento hidráulico foi excelente. O modelo 2 de gotejador foi mais suscetível a distúrbios de vazão do que o modelo 1. O sentido (crescente ou decrescente) e a pressão de serviço têm influência direta sobre a uniformidade de aplicação, podendo ser de até 8%, o que ocorre durante a pressurização do sistema e da regulagem da pressão.

Palavras-chave


Vazão média, Obstrução, Histerese

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Brasileira de Agricultura Irrigada - RBAI

ISSN: 1982-7679

E-mail: revista@inovagri.org.br

+55 85 32681597